ATENDIMENTO

(15) 3222-8610
bomclima@bomclimaarcondicionado.com.br

Notícias

JAN
13
2016

O consumo de energia do ar condicionado – Mitos e verdades

Você acha que o ar condicionado é o maior vilão da sua conta de luz? Pois saiba que um aparelho bem instalado, bem dimensionado e utilizado de forma adequada consome menos energia do que o seu chuveiro elétrico, por exemplo.

E pensando nas diversas dúvidas dos consumidores sobre o consumo de energia do ar condicionado, o portal Webarcondicionado resolveu desvendar os principais mitos e verdades sobre esse assunto.

1- A instalação não interfere no consumo de energia.
Mito. A instalação feita de maneira correta, indicada pelo fabricante favorece o funcionamento do aparelho. Uma instalação feita de forma diferente da aconselhada pelo fabricante interfere no funcionamento do mesmo, fazendo com que ele opere de forma inadequada, consumindo mais energia.

2- Existe um tipo de equipamento adequado para cada tipo de ambiente.
É verdade. Existem aparelhos adequados para cada tamanho de ambiente, intensidade e fluxo de pessoas. Para ambientes de médio e grande porte, por exemplo, especialistas indicam o piso teto.

3- A temperatura não interfere no consumo de energia.
Mito. Manter o ar-condicionado na temperatura mínima (no arrefecimento) e máxima (no aquecimento) consome mais energia. Manter o ambiente numa temperatura entre 22ºC e 24ºC, evita gastos de energia desnecessários e é mais adequado ao corpo humano.

4- Condensadora em área fechada não influencia no consumo do aparelho.
Mito. A unidade externa precisa ficar em um local onde haja circulação de ar, para evitar o retorno do ar insuflado.

5- O ar condicionado inverter é mais econômico.
Verdade. Os aparelhos inverter funcionam como um inversor de frequência, pois controlam a velocidade da compressão do equipamento. O compressor nunca é desligado, evitando picos de voltagem e oscilações de temperatura.

6- Quanto mais potente o aparelho, mais ele consome energia.
Verdade. Um aparelho com 18000 BTU consome mais energia do que um aparelho de 12000 BTU, por exemplo. Mas tome cuidado, pois usar um equipamento com potência menor do que o indicado para o ambiente, aumenta muito o consumo de energia dele. Por isso o dimensionamento correto é muito importante.

7- Para consumir menos energia o ideal é desligar se for sair do ambiente por pouco tempo e voltar a ligar quando retornar.
Mito. Ligar e desligar com muita frequência, acarreta num maior consumo de energia. Se for se ausentar do ambiente por pouco tempo, até 20 minutos ou meia hora, deixe ligado para evitar os picos de consumo da liga e desliga.

8- Deixar a janela aberta com o ar-condicionado ligado aumenta o consumo de energia.
Verdade. Além de consumir mais energia, esse descuido pode comprometer o funcionamento do aparelho. O ideal é deixar todas as portas e janelas bem fechadas.

9- Manter os filtros limpos evita gastos desnecessários de energia.
Verdade. Filtros sujos impedem a circulação livre do ar, forçam o aparelho a trabalhar mais e consequentemente, ele consome mais energia.

10- Aparelhos com selo Procel A sãos mais econômicos.
Verdade. O Selo Procel identifica os equipamentos mais econômicos, de acordo com a eficiência energética medida pelo CEE (Coeficiente de Eficiência Energética) e quanto maior o CEE, mais eficiente e econômico será o aparelho. A classificação é divida em A, B, C, D e E.

O ar-condicionado na verdade, não precisa ser o pior vilão das contas de luz, basta utilizá-lo de forma adequada, manter os filtros limpos e realizar manutenções preventivas.

Fonte: www.webarcondicionado.com.br

BY :
COMMENT : 0